CONHEÇA MAIS NOS MENUS ACIMA

SIGA TAMBÉM NO FACEBOOK

A relevância de Si Mesmo

______________________________________________
 
Que a vida de cada um de nós é a consequência de nossas escolhas, isso já é quase senso comum para quem se interessa pelo tema do autoconhecimento!

Entretanto, nem sempre temos plena consciência das métricas que usamos para fazer essas escolhas. E dessa forma nossa autenticidade pode ficar comprometida, já que poderemos estar baseando nossas escolhas em paradigmas aprendidos, impostos por outros ou, simplesmente, estar fazendo determinadas escolhas na intenção de agradar aos demais, para obtermos aceitação ou reconhecimento.   

E quanto mais nos afastamos de nossa autenticidade, maior a sensação de estarmos sendo levados pela vida e não exatamente levando a vida que gostaríamos de ter. Aí entra a responsabilidade pessoal, que pode ser entendida como a habilidade de responder ao que nos propomos fazer da vida, a termos autonomia para escolher e de gozar o poder do livro arbítrio! Pensar em nossas decisões pode levar-nos também a perceber a importância de nos guiarmos por um sonho, ter clareza da nossa missão, de nossos valores pessoais e objetivos de vida.  

Que tal na próxima vez que precisar tomar uma decisão, experimentar fazer-se algumas perguntas a respeito dela, para identificar de onde vem e para onde essa decisão o estará levando:

·         Por que estou tomando essa decisão?

·         Para que estou tomando essa decisão?

·         O que me motiva a tomar essa decisão?

·         Com que princípio e valor estou tomando essa decisão?
 



Faça o que fizer, escolha o que escolher, procure sempre fazê-lo por si. Isso poderá significar, no longo prazo, maior coerência entre o que você diz querer e o que faz para obter, a credibilidade proporcionada por decisões autênticas e a sustentabilidade pessoal, no sentido de que as escolhas tenham relevância para aquela vida que deseja para Si Mesmo.
 
Desejo que se tornem sempre melhores as suas decisões!